Sistema Eletrônico de Administração de Eventos - UERGS, VI Salão Integrado de Ensino, Pesquisa e Extensão & IIa Jornada de Pós-graduação da UERGS (ISSN: 2448-0010)

Tamanho da fonte: 
PRODUÇÃO DE MILHO PIPOCA CRIOULO COM USO DE PÓ DE BASALTO
Thaniel Carlson WRITZL, Darlan Weber DA SILVA, Natane Thaís SIMON, Endrio WEBERS, Emerson Saueressig FINKEN, Marciel REDIN

Última alteração: 2016-09-07

Resumo


Resumo

O trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência do pó de basalto na produção de matéria seca e produtividade de grãos de milho pipoca crioulo na Região Noroeste do RS.Foram avaliados em condições de campo os seguintes tratamentos: testemunha, pó de basalto + cama de ave, pó de basalto, cama de ave e fertilizante químico. O tipo de fertilizante afetou a produção de matéria seca da parte aérea das plantas, a produtividade de grãos e peso de mil sementes. O uso de pó de basalto como fertilizante apresenta a mesma produção de grãos de milho pipoca crioulo que a fertilização química. O uso de pó de basalto como fertilizante alternativo, pode substituir a fertilização química.


Texto completo: Resumo expandido